Abrão, Sarai e o Monoteismo (Bíblia comentada - Gênesis 12)

Introdução a Gênesis 12 comentado

O capitulo de Gênesis 12 comentado, apresenta um chamado de Deus na vida de Abraão, mostrarei que a escolha de Deus por Abraão, tem uma razão profunda e comovente, não é algo do acaso, assim como os chamados que recebemos em nossas vidas, cada missão que o Eterno entrega a nós, tem um propósito.

Abrão e Sarai, um casal abençoado.
Abrão e Sarai, um casal abençoado.

Gênesis 12 comentado

GEN 12:1 Porém o SENHOR disse a Abrão: Vai-te de tua terra e de tua parentela, e da casa de teu pai, à terra que te mostrarei; Deus chamou Abrão, assim como outros que tiveram esse chamado, como Enoque para entregar a mensagem de Deus ao mundo e revelar as coisas do Eterno para seu tempo, Noé para salvar a raça humana, e agora Abrão, o termo "Abrão", significa "pai exaltado".
GEN 12:2 E farei de ti uma grande nação, e te abençoarei, e engrandecerei teu nome, e serás bênção:
GEN 12:3 E abençoarei aos que te abençoarem, e aos que te amaldiçoarem amaldiçoarei: e serão benditas em ti todas as famílias da terra. Abrão foi chamado para construir uma grande nação na terra, onde ele recebeu uma promessa, a promessa de ser o pai de grandes nações, o que faria, ele ser lembrado na historia, onde essa nação, seria aquela, que preservaria a palavra do Senhor, em seu meio, os homens conheceriam a Deus, o plano divino para a redenção da raça humana, iniciava-se nesse contexto, a partir de agora, Deus trabalhava para instauração da paz.
GEN 12:4 E foi-se Abrão, como o SENHOR lhe disse; e foi com ele Ló: e era Abrão de idade de setenta e cinco anos quando saiu de Harã. O chamado de Deus, seria com Abrão e sua esposa, mas Abrão leva consigo seu sobrinho Ló, existe um significado profundo para essa ação, Abrão sonhava em ter um filho, mas ele não possui nenhum, sua esposa era estéril, e por conta disso, a promessa que Deus fez com Abrão, ganhava um significado profundo.
GEN 12:5 E tomou Abrão a Sarai sua mulher, e a Ló filho de seu irmão, e todos os seus pertences que haviam ganhado, e as almas que haviam adquirido em Harã, e saíram para ir à terra de Canaã; e à terra de Canaã chegaram. Abrão deixa a sua antiga terra para traz, naturalmente, muita coisa ficava no passado, como outros familiares, que escolhiam continuar em sua atual habitação, uma curiosidade histórica sobre a família de Abrão, é que arqueólogos encontraram aldeias com o nome de seus ancestrais, isto é, (seu avô e seu bisavô, Naor e Serugue) numa área da atual Turquia, identificada como a região de Harã.
GEN 12:6 E passou Abrão por aquela terra até o lugar de Siquém, até o carvalho de Moré: e os cananeus estavam então na terra. A caminhada de Ur, na caldeia, até a terra de Canaã, era longa, esse seria o primeiro encontro entre Abrão e os cananeus, nesse contexto, como um estranho, ele mudaria toda a cultura, Abrão seria o primeiro profeta que frisaria o monoteísmo em seu tempo, isso é, a adoração a um único Deus verdadeiro.
GEN 12:7 E apareceu o SENHOR a Abrão, e lhe disse: À tua descendência darei esta terra. E edificou ali um altar ao SENHOR, que lhe havia aparecido. Deus fez uma aparição a Abrão, para frisar seu acordo com ele, é importante ensinar que Abrão não viu Deus, assim como outros personagens bíblicos, onde essas afirmações "...que lhe havia aparecido..." e outras passagens, onde os personagens, diziam ter visto ou encontrado Deus, isto por que o Senhor é invisível, e sempre que manifestava-se aos homens, era através de teofanias, Teofania é um conceito de cunho teológico que significa a manifestação de Deus em algum lugar, coisa ou pessoa. Tem sua etimologia enraizada na língua grega: "theopháneia" ou "theophanía". O termo que por sua vez é uma palavra composta por dois vocábulos,também gregos: Théos, " Deus" e phanei, " aparecer".
GEN 12:8 E passou-se dali a um monte ao oriente de Betel, e estendeu sua tenda, tendo a Betel ao ocidente e Ai ao oriente: e edificou ali altar ao SENHOR e invocou o nome do SENHOR. Abrão invocou o nome do Senhor, assim como Sete e seus predecessores, em Gênesis quatro, pode-se dizer que a crença no Senhor Jeová, sempre foi conhecida entre os homens, inclusive entre os demais familiares de Abrão, que infelizmente optaram por seguir o paganismo, uma historia antiga contada no meio judeu, e que estarei reproduzindo é que: 
- Certa vez, Abrão e seu pai estavam discutindo, onde seu pai lhe mostrou deuses em formato de ídolos de barro e outros objetos de adoração pagã, então Abrão disse a seu pai, esse deus fala? seu pai respondeu: -Não, então Abrão perguntou, como ele foi feito? e seu pai respondeu, que por mãos humanas, então Abrão indagou, seu deus, tem boca, mas não fala, tem ouvidos, mas não houve e é feito por mãos humanas, eu seguirei apenas a Jeová, o único Deus verdadeiro, muitos acreditam que foi após esse acontecimento que Deus teria chamado Abrão.
GEN 12:9 E moveu Abrão dali, caminhando e indo até o Sul.
GEN 12:10 E houve fome na terra, e desceu Abrão ao Egito para peregrinar ali; porque era grande a fome na terra.
GEN 12:11 E aconteceu que quando estava para entrar no Egito, disse a Sarai sua mulher: Eis que, agora conheço que és mulher bela à vista;
GEN 12:12 E será que quando te houverem visto os egípcios, dirão: Sua mulher é: e matarão a mim, e a ti te preservarão a vida.
GEN 12:13 Agora, pois, dize que és minha irmã, para que eu vá bem por tua causa, e viva minha alma por causa de ti. Abrão era um homem que estava em terras desconhecidas, tudo que ele sabia do Egito, era o que os rumores poderiam sugerir a ele, nesse contexto, ele e seus familiares entravam no pais mais poderoso daquele tempo, isto é, o Egito de Faraó, por Sarai ser uma mulher formosa, é natural que ao entrar em um pais famoso por ser explorador e sem o mesmo conceito de moralidade que conhecemos, Abrão recuou em dizer que  Sarai era sua esposa, pode-se dizer que Abrão não teve confiança em Deus, e cedeu para seu medo.
GEN 12:14 E aconteceu que, quando entrou Abrão no Egito, os egípcios viram a mulher que era bela em grande maneira.
GEN 12:15 Viram-na também os príncipes de Faraó, e a elogiaram; e foi levada a mulher a casa de Faraó:
GEN 12:16 E fez bem a Abrão por causa dela; e teve ovelhas, e vacas, e asnos, e servos, e criadas, e asnas e camelos. É curioso que Abrão acertou, os egípcios planejaram tomar a esposa de Abrão, mas ainda sim, os egípcios lhe trataram bem, uma mulher que poderia, tornar-se princesa do Egito, pois mesmo os príncipes, rendiam-se a sua beleza.
 
Pintura artística de Sarai (Sara)
Pintura artística de Sarai (Sara)
GEN 12:17 Mas o SENHOR feriu a Faraó e à sua casa com grandes pragas, por causa de Sarai mulher de Abrão. O pecado pode ser aceito pelo homem, mas não por Deus, mesmo quando a justiça dos homens falha, a justiça de Deus jamais cederá, todo aquele que comete injustiça perecerá!
GEN 12:18 Então Faraó chamou a Abrão e lhe disse: Que é isto que fizeste comigo? Por que não me declaraste que era tua mulher?
GEN 12:19 Por que disseste: “É minha irmã”, pondo-me em risco de tomá-la para mim por mulher? Agora, pois, eis aqui tua mulher, toma-a e vai-te.
GEN 12:20 Então Faraó deu ordem a seus homens acerca de Abrão; e lhe acompanharam, e à sua mulher com tudo o que tinha. Ainda que de certa forma, Abrão não mentiu, pois Sarai era sua irmã, como explicado anteriormente, devido a poligamia, as pessoas no passado, não podiam se casar com irmãs maternas, mas irmãs paternas, não eram impedidas de casar-se com seus irmãos, isso era usado para preservar bens, e tradições dentro de uma mesma família, e esse costume ainda existem até os dias de hoje, em alguns lugares do mundo.

Outros capítulos de Gênesis comentado:

1 - 2 - 3 - 4 - 5 - 6 - 7 - 8 - 9 - 10 - 11 - 12 - 13 - 14 - 15 - 16 - 17 - 18 - 19 - 20 - 21 - 22 - 23 - 24 - 25 - 26 - 27 - 28 - 29 - 30 - 31 - 32 - 33 - 34 - 35 - 36 - 37 - 38 - 39 - 40 - 41 - 42 43 - 44 - 45 46 47 - 48 - 49 - 50.


 Notas de usos e referencias de pesquisas

- Segue os créditos a Blive, responsável pelo comitê de tradução da Bíblia livre.
- Os comentários estão sempre em negrito.
- Todas as referencias externas, serão demonstradas aqui, se houver.
- Os comentários são de Lucas Ajudarte, teólogo e arqueólogo bíblico pela FNT (Faculdade de Teologia Nacional).
- Referencia interna, Telefonias de Deus, Reflexões Cristãs.
- Referencia externa, Abraão, Enciclopédia livre.
- Referencia externa, Telefonia, significado, Enciclopédia livre.

Ajude a divulgar o Reflexões Cristãs, compartilhe nossas postagens nas redes sociais, duvidas e sugestões, deixe nos comentários.
Nota de uso e referencias de pesquisas Fonte: https://www.reflexoescristas.com/2018/07/genesis-1-comentado.html

Patrocinado

Conteúdos correspondentes