Bezalel e Aoliabe (Bíblia comentada - Êxodo 31)

Introdução a Êxodo 31 comentado


O Espirito de Deus capacita, essa é a lição de Êxodo 31, comentários sobre Bezalel e Aoliabe ou mesmo "Aholiab", dois homens que seriam usados por Deus, para planos no qual o povo hebreu ainda não tinha evoluído, isso comparando as nações da época, como Acádia, Grécia e Egito, que eram extremamente desenvolvidas no meio artístico.

Comentários  Êxodo 31
Comentários  Êxodo 31

Êxodo 32 comentado


EXO 31:1 E falou o SENHOR a Moisés, dizendo:
EXO 31:2 Olha, eu chamei por seu nome a Bezalel, filho de Uri, filho de Hur, da tribo de Judá;
EXO 31:3 E o enchi de espírito de Deus, em sabedoria, e em inteligência, e em conhecimento, e em todo artifício,
EXO 31:4 Para inventar desenhos, para trabalhar em ouro, e em prata, e em bronze,
EXO 31:5 E em artifício de pedras para engastá-las, e em artifício de madeira; para agir em todo tipo de trabalho.
Em seguida, após esta marcação tão acentuada do sagrado do profano, esta consagração dos homens ao serviço especial, esta proteção de unguentos sagrados e gomas sagradas do uso secular, chegamos a uma passagem curiosamente contrastada, mas não realmente antagônica à última, de sabedoria prática maravilhosa, e bem calculada para fazer uma nação sábia e grande.
O Senhor anuncia que Ele chamou Bezalel, filho de Uri, e o encheu do Espírito de Deus. Para que cargo sagrado, então, ele é chamado? Simplesmente para ser um artesão supremo, o mais raro dos artesãos. Isso também é um dom divino. "Eu o enchi com o Espírito de Deus em sabedoria e em entendimento e em conhecimento e em todo tipo de arte, para planejar obras astutas, para trabalhar em ouro e em prata e em latão e em cortar pedras para o armar, e em escultura de madeira, para trabalhar em todos os tipos de mão-de-obra ", isto é, destreza manual. Com ele Deus designou Aholiab; "e no coração de todos os sábios eu pus a sabedoria." Assim deve ser adequadamente colocado o tabernáculo e seus móveis, e as vestes finamente trabalhadas, e o óleo da unção e o incenso.
Então, parece que o Espírito Santo de Deus deve ser reconhecido no trabalho do carpinteiro e joalheiro, do boticário e do alfaiate. Provavelmente nos opomos a tal afirmação, tão mal colocada. Mas a inspiração não se opõe. Moisés disse aos filhos de Israel que Jeová havia enchido Bezalel com o Espírito de Deus, e também Aholiab, para a obra "do gravador ... e do bordador ... e do tecelão" ( Êxodo 35:31 , Êxodo 35:35 ).
EXO 31:6 E eis que eu pus com ele a Aoliabe, filho de Aisamaque, da tribo de Dã: e pus sabedoria no ânimo de todo sábio de coração, para que façam tudo o que te mandei:
EXO 31:7 O tabernáculo do testemunho, e a arca do testemunho, e o propiciatório que está sobre ela, e todos os utensílios do tabernáculo;
EXO 31:8 E a mesa e seus utensílios, e o candelabro limpo e todos os seus utensílios, e o altar do incenso;
EXO 31:9 E o altar do holocausto e todos os seus utensílios, e a pia e sua base;
EXO 31:10 E as roupas do serviço, e as santas vestiduras para Arão o sacerdote, e as vestiduras de seus filhos, para que exerçam o sacerdócio;
EXO 31:11 E o azeite da unção, e o incenso aromático para o santuário: farão conforme tudo o que te mandei.
EXO 31:12 Falou também o SENHOR a Moisés, dizendo:
EXO 31:13 E tu falarás aos filhos de Israel, dizendo: Com tudo isso vós guardareis meus sábados: porque é sinal entre mim e vós por vossas gerações, para que saibais que eu sou o SENHOR que vos santifico.

É bastante claro que devemos deixar de pensar no Espírito Divino como inspirador apenas de orações e hinos e sermões. Tudo o que é bom e belo e sábio na arte humana é o dom de Deus. Nós sentimos que o Artista supremo é audível ao vento entre os pinheiros; mas o homem é deixado para si mesmo quando se empenha em significado mais sublime as vozes do vento entre os tubos de órgão? Ao amanhecer e ao entardecer, sentimos que 

"nas lindas montanhas estão penduradas as gravuras de Deus";

mas não há revelação de glória e de frescor em outras imagens? Uma vez que a afirmação de que uma grande obra-prima era "inspirada" era um claro reconhecimento do fogo central em que todo o gênio acende sua lâmpada: agora, ai de mim! tornou-se pouco mais do que uma suposição cética de que Isaías estão muito acima de um nível. Mas a doutrina dessa passagem é a divindade de todo dom; outra coisa é reivindicar a autoridade divina para um dado produto que vem do ser humano livre, que é tão ricamente coroado e dotado. 
Até aqui, suavizamos nosso caminho falando apenas de poesia, pintura, música - coisas que realmente competem com a natureza em sua sugestividade espiritual. Moisés, porém, falou do manufaturador, do bordador, do tecelão e do perfumista.

EXO 31:14 Assim guardareis o sábado, porque santo é a vós: o que o profanar, certamente morrerá; porque qualquer um que fizer obra alguma nele, aquela alma será cortada do meio de seus povos.
EXO 31:15 Seis dias se fará obra, mas o dia sétimo é sábado de repouso consagrado ao SENHOR; qualquer um que fizer obra no dia do sábado certamente morrerá.
EXO 31:16 Guardarão, pois, o sábado os filhos de Israel: celebrando-o por suas gerações por pacto perpétuo:
EXO 31:17 Sinal é para sempre entre mim e os filhos de Israel; porque em seis dias fez o SENHOR os céus e a terra, e no sétimo dia cessou, e repousou.
EXO 31:18 E deu a Moisés quando acabou de falar com ele no monte de Sinai, duas tábuas do testemunho, tábuas de pedra escritas com o dedo de Deus.

A doutrina das Escrituras não é que o homem é uma ferramenta, mas que ele é responsável por vastos dons, que vêm diretamente do céu - que todo dom bom vem do alto, que foi o próprio Deus que plantou no Paraíso a árvore do conhecimento.

Nem nada faria mais para refrear as paixões, acalmar os impulsos e elevar o auto-respeito da vida moderna, para chamar de volta suas energias da competição básica pelo ouro e fazer nossas indústrias o que sonhadores se convencem de que as indústrias medievais eram , do que uma percepção rápida e geral do que se entende quando o corpo docente passa por nomes como talento, dom, dom - da glória de seu uso, a tragédia de sua impureza. Muitas pessoas, de fato, rejeitam essa doutrina porque não podem acreditar que o homem tenha poder para abafar tão alto uma coisa tão triste. Mas o que eles pensam do corpo humano? 

Que conexão existe entre tudo isso e a reiteração da lei do sábado? Não apenas que a lei moral é agora também um estatuto cívico, pois isso já havia sido feito ( Êxodo 23:12). Mas, como nosso Senhor nos ensinou que um judeu no sábado estava livre para realizar obras de misericórdia, poderia ser facilmente suposto legal, e até mesmo meritório, apressar a construção do lugar onde Deus encontraria Seu povo. Mas Aquele que disse "Terei misericórdia e não sacrifício" disse também que obedecer era melhor que sacrifício. Assim, esta cautela fecha a longa história de planos e preparativos. E quando Moisés chamou o povo para a obra, suas primeiras palavras foram repeti-lo ( Êxodo 35: 2 ). 

Finalmente, foi dado a Moisés o depósito para o qual tão nobre santuário foi planejado - as duas tábuas da lei, milagrosamente produzidas.

Se qualquer um, sem supor que eles foram literalmente escritos com um dedo literal, concebe que este era o significado transmitido a um hebreu pela expressão "escrita com o dedo de Deus", ele sente falta do modo de pensamento hebraico, que habitualmente se conecta. o Senhor com um braço, com uma carruagem, com um arco nu, com tenda e cortinas, sem a menor contaminação do materialismo em sua concepção. Será que os magos, não conseguindo imitar a terceira praga, dizem: "Este é o dedo de um Deus"? O próprio Jesus não "expulsou demônios pelo dedo de Deus"? ( Êxodo 8:19 ; Lucas 11:20 ).

Todos os capítulos de Êxodo comentado




1 - 2 - 3 - 4 - 5 - 6 - 7 - 8 - 9 - 10 - 11 - 12 - 13 - 14 - 15 - 16 - 17 - 18 - 19 - 20 - 21 - 22 - 23 - 24 - 25 - 26 - 27 - 28 - 29 - 30 - 31 - 32 - 33 - 34 - 35 - 36 - 37 - 38 - 39 - 40.


Notas e referencias do autor

- Segue os créditos a Bíblia livre, tradução usada em nossos comentários.         
- Os comentários são sempre escritos em negrito.          
- Todas as referencias externas, serão demonstradas aqui, se houver.          
- Os comentários são de Lucas Ajudarte, teólogo pela Faculdade de teologia nacional de São Lourenço MG.

 Compartilhe essa postagem com seus amigos e familiares, receba Reflexões Cristãs por WhatsApp (19)993702148.

Patrocinado

Conteúdos correspondentes

Recomendações para você