O Plural Majestático - O Falar do Único Deus.

O Plural Majestático




Preparei um pequeno estudo sobre plural majestático, espero que possa ser útil a todos,  mesmo sendo  um texto simplificado, tentarei abordar o mais direto, esse assunto não deveria ser pautado por ser algo muito evidente e fácil de se associar, mais devido a ensinos de falsos mestres, pra que todos os sinceros encontrem a verdade, apresento algo sobre o tema.



O Plural Majestático - O Falar do Único Deus.
O Plural Majestático - O Falar do Único Deus.


Há quatro registros no velho testamento, onde pronomes pessoais no plural são usados em referencia a Deus. Os trinitarianos afirmam que isto ensina sua teoria. Isto não é verdade. Em nenhuma maneira estes quatro textos ensinam que existe uma pluralidade de pessoas em Deus. Os quatro textos em questão seguem:

Gênesis 1:26 - Façamos o homem à nossa imagem (us)

Gênesis 3:22 - O homem se tornou um de nós (nós)

Gênesis 11:7 - Desçamos e confundamos (us = nós)

Isaías 6:8 - Quem irá por nós? (nós)

Os pronomes pessoais no plural nestes versos referem-se a um Deus singular. Está isto claro pelo fato de que pronomes singulares são usados no contexto fazendo referência a Deus.
Em Gênesis 1:26, Deus disse, “Façamos o homem em nossa imagem, segundo nossa semelhança”. No próximo capitulo porém, nós lemos, “Então cria Deus o homem na sua imagem, à imagem de Deus o criou, macho e fêmea os criou”.
Em Isaías 6:8 nós lemos, “Também eu ouvi a voz do Senhor dizendo: Quem eu enviarei, e quem irá por nós?” Deus falou de Si no singular.

Em todo o resto da bíblia, exceto em quatro textos, Deus é designado por pronome no singular. Quando falando de Si, eles dizem, “Eu, meu, mim”.

Quando os homens falam concernente a Deus, eles dizem. “Ele, Dele, Nele”. Se o pronome no plural nos quatro versos, referem-se a pluralidade de pessoas em Deus, porque Deus não é sempre designado pelos pronomes no plural?

Além disso, se estes pronomes no plural denotassem pluralidade em Deus, nada há que revele quantos há nesta pluralidade, se seriam dois, três, dez ou mil. Aplicando pluralidade em Deus resultaria em politeísmo, não Trinitarianismo.
Estes pronomes no plural, assim como o nome plural Elohim, refere-se ao plural de majestade. Deus é representado ao se dizer, “Façamos” ao invés de “Faça” com indicação de sua glória e grandeza.

Para estudos bíblicos, arqueológicos e de Hebraico e Grego clássico nos mande um formulário de contato com o tema da indicação.

compartilhe essa postagem com seus amigos e familiares, receba reflexões cristãs por whatsapp (19)993702148. 

Patrocinado

Conteúdos correspondentes

Recomendações para você