5 perguntas "quase teológicas" no Yahoo (chocante)

Perguntas engraçadas e chocantes do Yahoo respostas.



Creio que todos já usaram o Yahoo Respostas alguma vez na vida, dês de para estudos como para perguntar coisas no minimo bizarras, ainda sim é uma boa rede social que ajuda muita gente, mas alguns no minimo "brilham" no Yahoo, e fazem perguntas dês de engraçadas para as mais bizarras.

*Nota: as perguntas e respostas não são minhas e sim da comunidade do Yahoo, não tenho como o intuito de ser "bandeirante", esse artigo é uma critica social a falta de ensino da palavra que ocorre nos dias de hoje, caso interpretem como ofensivo, recomento que não leiam ou ao menos menores de 18 anos se policiem.

O LADO POLITICO DE JESUS
O LADO POLITICO DE JESUS

Jesus como homem cagava, mijava, e fazia outras necessidades humanas?


Resposta: Embora seja um contra-senso que o homem que fazia milagres de curas se encontrasse doente. 
Como a personagem Jesus Cristo não sangrou ao ponto de morrer por Hipovolemia, em 1990, um Legista espanhol especializado em Tanatologia Forense garantiu que se Jesus existiu, ao morrer ele estaria ANÊMICO, com LEUCEMIA, ou TUBERCULOSO, e apresentou como provas: 

A magreza de Jesus; o seu cansaço; à dificuldade de carregar apena a parte horizontal da cruz; o líquido sanguinolento que saiu das suas costas, depois das chibatadas; a agonia de Jesus ter durado só 3 horas, quando os crucificados após 04 dias ainda estavam moribundos; e ter saído PUS e ÁGUA da PLEURA de Jesus, quando o centurião romano lancetou o PULMÃO ESQUERDO de Jesus. 

Caso Jesus Jesus tivesse existido ele teria que ser retirado da Cruz ainda vivo, pois as Leis romanas não permitiam que os estacados fossem sepultados, já que os restos mortais dos crucificados profanariam os mortos, e desrespeitaria Plutão (Hades), o “Senhor da morte”. 

Outra prova de que “Jesus Cristo” seria apenas um Arquétipo e não um acontecimento histórico; seria o fato de que o José de Arimatéia sendo um COHEN SADUCEUS, e tendo feito o “Voto TAMEI”, o José de Arimatéia são poderia tocar nos cadáver, ou mesmo entra nos Cemitérios... 
Sendo um “Nazireu”, e sendo membro do Sanhedrin judaico, Arimatéia negava a “Ressurreição” e o “Juízo Final”; negava a existência de Anjos e Espíritos, e negava que Deus intervém nos atos dos humanos, sejam eles bons ou maus. 

Como os seguidores de Jesus fugiram; e simples camponeses judeus não poderiam exigir que o Governador lhes entregasse o cadáver de Jesus; mesmo o José de Arimatéia tendo sido um COHEN SADUCEUS, e tendo feito o “Voto TAMEI”, de não tocar em cadáver, ou entra em Cemitérios. 
A Bíblia falsificou que o rico e influente José de Arimatéia, (que surgiu do nada, e caiu de pára queda na lenda de Jesus), teria solicitado a Pilatos o “Soma” de Jesus. 

Em Marcos 15: 42-46, o José de Arimatéia ter solicitado a Pilatos o SOMA de Jesus, prova que Jesus não estaria morto, pois a palavra “SOMA” em grego quer dizer CORPO VIVO... 
Se o Arimatéia tivesse solicitado o cadáver de Jesus Cristo, ele teria pedido o PTOMA ou “Nekrós". 

O CORAÇÃO fica no meio do tórax, e o que o centurião Longinus perfurou foi a PLEURA de Jesus Cristo, que reveste a caixa torácica por dentro. 

Os ateus, os agnósticos e inúmeros sábios, jamais acreditaram na fantasia de que Jesus Cristo teria ressuscitado ou que Jesus teria “Triunfado sobre a morte”. 

Para provar que ao ser retirado da Cruz, Jesus Cristo não estaria morto, e sim, em estado letárgico, lembramos que o costume judeu era usar óleos e ungüentos para curar as feridas dos vivos e não para “embelezar” algum defunto. 

Jesus sendo descendente da casa de David, Ele não poderia ser sepultado sem que os seus familiares tenham seguido os procedimentos funerais concernentes ao Judaísmo. 

Há muitas indicações para a possibilidade de Jesus Cristo não ter morrido na cruz, e em todas o José de Arimatéia aparece como alguém que ajudou Jesus...


Você acha que masturbação é pecado?

na igreja que frequento falam que é, mas eu acho que não, isso não faz mal a ninguém.

Resposta: A masturbação é apenas o ato de provocar um orgasmo sem a ajuda de uma segunda pessoa. No orgasmo temos a ejaculação. A ejaculação é uma reação biológica natural na qual o homem libera o esperma, e conseqüentemente os espermatozóides, que por sua vez são essenciais na reprodução de nossa espécie. 

Agora como uma função natural do corpo que tem como o objetivo gerar a vida pode ser pecado? Se é pecado, não faz sentido um orgasmo ser tão prazeroso. Deus faria do orgasmo um ato de prazer só para assistir seus "filhos" sucumbirem de modo tão patético e inevitável ao pecado e se condenarem ao inferno? Por acaso Deus é sádico então? Quando algo é "pecado", normalmente é um ato nocivo ao nosso corpo que fazemos com consciência de que estamos degenerando nosso vigor - como por exemplo usar drogas. 

Em suma, masturbação não é pecado - sequer é um ato nocivo contra nosso corpo. Pensar nisso deixa vergonhosamente exposta uma grande pobreza de espírito, sem contar que a privação de sexo e masturbação nesse contexto é inútil, já que o acúmulo de esperma gerado acaba se auto-liberando uma hora ou outra - em certas vezes isso ocorre em momentos bem inoportunos. Então meu amigo, descasca a banana mesmo que você não tem nada a perder.

Post original : Link Yahoo

Recomendado: O verdadeiro Big Brother Brasil 



 Se o conhecimento é o fruto do pecado (Gn). Seria a ignorância o fruto da virtude?


Adão e Eva caíram porque não aceitaram ser ignorantes?

Resposta: ADÃO e EVA não existiram como descritos na Bíblia, a humanidade é mais antiga que a época apontada como vivida por eles (+- 4.000 a.C.), trata-se apenas de um mito, de uma simbologia que personifica as primeiras idades do mundo. 
Religiosos, Teólogos, Historiadores e outros cientistas, em grande maioria (vide matérias na internet), concordam que a Bíblia usa de linguagem figurada em suas revelações, são simbologias não científicas ou históricas, portanto, nela não há referências suficientes que possam comprovar que Adão e Eva tenham de fato existido, nem em que local ou em qual época e que se trata apenas da simbologia do ser humano criado por Deus. 

A arqueologia, paleontologia e antropologia, estabelecem o aparecimento do Homo sapiens (o homem moderno) a partir de outras espécies de hominídeos, há cerca de 160 mil anos, num período geológico muito recente, a partir da África. (Fonte: Wikipédia, a enciclopédia livre. http://pt.wikipedia.org/wiki/Ad%C3%A3o_e... ). 

Abaixo transcrevo os ensinamentos da Doutrina Espírita (Livro dos Espíritos, questões 50 e 51): 

50. A espécie humana começou por um único homem? 
Resposta: “Não; aquele a quem chamais Adão não foi o primeiro, nem o único a povoar a Terra.” 

51. Poderemos saber em que época viveu Adão? 
Resposta: “Mais ou menos na que lhe assinais: cerca de 4.000 anos antes do Cristo.” 

O homem, cuja tradição se conservou sob o nome de Adão, foi dos que sobreviveram, em certa região, a alguns dos grandes cataclismos que revolveram em diversas épocas a superfície do globo, e se constituiu tronco de uma das raças que atualmente o povoam. As leis da Natureza se opõem a que os progressos da Humanidade, comprovados muito tempo antes do Cristo, se tenham realizado em alguns séculos, como houvera sucedido se o homem não existisse na Terra senão a partir da época indicada para a existência de Adão. Muitos, com mais razão, consideram Adão um mito ou uma alegoria que personifica as primeiras idades do mundo. 

Post original: Link Yahoo

É verdade que Jesus era negro?

É verdade que Jesus era negro?
Alguns ortodoxos não gostaram do filme


Se é verdade pq os senhores feudais não penduraram ele no pelourinho da senzala e crucificaram ele? 
Fiquei sabendo por um amigo que Jesus era o irmão de Maomé e de Buda, aí eles brigaram e cada um foi pra uma parte do mundo 
por isso Jesus descobriu Deus, Maomé descobriu Ala e Buda descobriu o Budismo. 
Me expliquem gente.

Resposta: A Palavra de Deus omite deliberadamente tais detalhes ‘evocativos’ da aparência de Jesus. Por quê? Porque eles provavelmente distrairiam do que significa vida eterna — o conhecimento bíblico. (João 17:3) O próprio Jesus, que é nosso real exemplo, ‘não olha’, ou acha importante, “a aparência externa dos homens”. (Mateus 22:16; note Gálatas 2:6.) Destacar a aparência de Jesus, não havendo nenhuma menção dela nos Evangelhos inspirados, é ir de encontro ao próprio espírito desses Evangelhos. 

Como “Cordeiro de Deus” Jesus não tinha defeito, sendo, sem dúvida, um homem de boa aparência. (João 1:29; Hebreus 7:26) E, com certeza, não estampava sempre aquele ar melancólico que lhe atribui a arte popular. É verdade que Jesus passou por muitos eventos estressantes, mas, na sua disposição geral, ele espelhou com perfeição seu Pai, o “Deus feliz”. — 1 Timóteo 1:11; Lucas 10:21; Hebreus 1:3. 

Era longo o cabelo de Jesus? Apenas os nazireus não deviam cortar o cabelo nem beber vinho, e Jesus não era nazireu. De modo que ele, sem dúvida, usava um cabelo bem aparado, como os varões judeus em geral. (Números 6:2-7) Ele também apreciava tomar vinho moderadamente, na companhia de outros, o que reforça a idéia de que não era um indivíduo tristonho. (Lucas 7:34) De fato, ele fez vinho realizando um milagre numa festa de casamento em Caná da Galiléia. (João 2:1-11) E obviamente usava barba, evidenciado por uma profecia sobre seu sofrimento. — Isaías 50:6. 

E que dizer dos traços físicos de Jesus? Provavelmente eram semitas. Ele os teria herdado de sua mãe, Maria, que era judia. Os ancestrais dela também eram judeus, da linhagem dos hebreus. De modo que os traços físicos de Jesus provavelmente eram como os de um judeu comum. 

Mesmo entre seus apóstolos, Jesus evidentemente não se destacava como fisicamente muito diferente, pois Judas teve de traí-lo aos seus inimigos com um beijo identificador. Portanto, Jesus podia facilmente misturar-se no meio de multidões. E ele fez isso, pois, pelo menos uma vez, viajou da Galiléia a Jerusalém sem ser reconhecido. — Marcos 14:44; João 7:10, 11. 

Alguns concluem, porém, que Jesus era frágil. Por que dizem isso? Por um lado, ele precisou de ajuda para carregar a estaca de tortura. E, dos três homens executados na estaca, ele foi o primeiro a morrer. — Lucas 23:26; João 19:17, 32, 33. 

Contrário à tradição, a Bíblia não descreve Jesus como sendo frágil ou efeminado. Na verdade, ela diz que, ainda jovem, ele “progredia em sabedoria e em desenvolvimento físico, e no favor de Deus e dos homens”. (Lucas 2:52) Por quase 30 anos ele trabalhou como carpinteiro. Este parece não ser um ofício para uma pessoa franzina, especialmente naquele tempo, quando não havia máquinas modernas que poupam trabalho. (Marcos 6:3) Também, Jesus expulsou o gado, as ovelhas e os cambistas do templo, derrubando suas mesas. (João 2:14, 15) Isso também sugere uma pessoa varonil e robusta. 

Nos últimos três anos e meio de sua vida na Terra, Jesus caminhou centenas de quilômetros em viagens de pregação. No entanto, seus discípulos jamais sugeriram que ele ‘descansasse um pouco’. Ao contrário, foi Jesus quem disse para eles, alguns dos quais eram rijos pescadores: ‘Vinde, em particular, a um lugar solitário, e descansai um pouco.’ — Marcos 6:31. 

De fato, “a inteira narrativa evangélica”, diz a Cyclopœdia de M’Clintock e Strong, “indica que a saúde física [de Jesus] era boa e vigorosa”. Então, por que precisou de ajuda para carregar a estaca de tortura, e por que morreu antes dos outros executados junto com ele? 

Um fator-chave é a aflição extrema. Perto do dia de sua execução, Jesus disse: “Deveras, tenho um batismo com que devo ser batizado, e como estou aflito até que termine!” (Lucas 12:50) Essa aflição virou “agonia” na sua última noite. Diz o relato: “Ficando em agonia, continuava a orar mais seriamente; e seu suor tornou-se como gotas de sangue caindo ao chão.” (Lucas 22:44) Jesus sabia que as perspectivas de vida eterna da humanidade dependiam de sua integridade até a morte. Que responsabilidade! (Mateus 20:18, 19, 28) Ele também sabia que seria executado como criminoso ‘amaldiçoado’ pelo próprio povo de Deus. Assim, ele temia que isso causasse vitupério contra seu Pai. — Gálatas 3:13; Salmo 40:6, 7; Atos 8:32. 

Depois de ter sido traído, Jesus sofreu uma série de crueldades. Num julgamento simulado realizado bem depois da meia-noite, as principais autoridades do país o ridicularizaram, cuspiram nele e deram-lhe socos. Para dar ao julgamento da madrugada um ar de legitimidade, houve outro julgamento de manhã cedo. Nesse, Jesus foi interrogado por Pilatos; daí por Herodes, que, junto com seus soldados, zombou dele; e de novo por Pilatos. Por fim, Pilatos mandou açoitá-lo. E não eram chicotadas comuns. A revista JAMA, da Associação Médica Americana, disse a respeito da prática romana do açoite: 

“O instrumento costumeiro era um chicote curto . . . com várias correias, simples ou trançadas, de diversos comprimentos, nas quais bolinhas de ferro ou afiadas lascas de osso de ovelha eram amarradas em intervalos. . . . À medida que os soldados romanos repetidamente açoitavam as costas da vítima com toda a força, as bolinhas de ferro causavam profundas contusões, e as correias e os ossos de ovelha cortavam os tecidos cutâneos e subcutâneos. Daí, ao passo que a fustigação prosseguia, as lacerações dilaceravam os músculos subjacentes do esqueleto e produziam tremulantes tirinhas de carne viva.” 

Obviamente, a vitalidade de Jesus já estava comprometida bem antes de ele envergar-se sob o peso da estaca que carregava. De fato, a revista JAMA observou: “O abuso físico e mental infligido pelos judeus e pelos romanos, bem como a falta de alimentos, água e sono, também contribuíram para o enfraquecimento geral de sua condição.

Post original: Link Yahoo

Por que dizem que Deus é Brasileiro ?

Por que dizem que Deus é Brasileiro ?
Um politico diferente


Resposta: O Brasileiro, é conhecido pela sua fé inquestionável, e 
presente, até nas maiores catástrofes. 

Um povo, que diante das maiores dificuldades, não esque 
ce jamais de elevar seus pensamentos e agradecer ao seu 
Deus, quer seja o Deus do Candomblé, do Católico, do 
Budista, etc. 

Um povo que vê a divindade presente, nas mais diferentes 
situações de seu cotidiano. 

Quer um exemplo de que deus é Brasileiro ???? Mais de 
40% do nome das cidades e vilarejos Brasileiros, possui 
nome, ou nome que signifique divindade celeste, ou é 
São Paulo, ou São Luiz, ou São Sebastião, ou Aparecida, 
ou Espírito Santo, ou Santa Catarina, etc, etc. 

Isto adveio de nossa colonização, donde até na primeira 
caravela de exploração que partiu de Portugal, havia junto 
padres . 

Sucesso, sorte Sempre !!! 

Leia sobre o fim dos tempos

Pois bem, espero que ninguém tenha se sentido ofendido com as duvidas dos Users do yahoo, claro que não creio que a maior parte das perguntas são serias, mas mesmo assim, isso fica como reflexão que temos que ensinar a palavra de Deus as pessoas, pois se nós não ensinamos, o mundo ensina, e ele é ultra-sensacionalista.]

compartilhe essa postagem com seus amigos e familiares, receba reflexões cristãs por whatsapp (19)993702148.