Mídias sociais

A inquisição Protestante - a Historia não contada de Lutero

O lado obscuro do Protestantismo, a Inquisição Evangélica


A partir do decimo quinto seculo da era cristã, o protestantismo ganhou força na Europa e passou a expandir-se para países do mundo inteiro, muitos comemoraram e afirmaram que era simbolo de liberdade religiosa, mas a grande verdade é que a revolução protestante era mais politica do que espiritual, o foco das reformas não eram a propagação do evangelho e sim uma questão politica e interesses financeiros.

Judeus perseguidos
Judeus vitimas do Antissemitismo

Mais Estudos históricos sobre a Igreja - Arqueologia Bíblica

Martinho Lutero e os Luteranos

Lutero foi um monge e professor de teologia da Alemanha,  levantou-se e atacou com força e dureza  o catolicismo e as doutrinas do catolicismo romano, Lutero e a reforma chegou ao ápice após sua publicação, conhecida como as 95 teses, onde atacava dogmas católicos e tentava demonstrar a verdade das escrituras perante sua perspectiva, ele recusou retratar-se ao Papa Leão X e o Rei Carlos V, de certa forma a intenção de Lutero não pode ser considerada apenas politica, e sim divulgação de crenças contra um governo opressor, mas ao contrario disso, o Governo Alemão que não gostava da soberania Romana, tanto em questão Religiosa quanto políticos e interesses sociais, pois a igreja tinha um amplo poder nos governos daquele tempo, o Luteranismo passou a ser adotado na Alemanha e pelo Governos Alemão, a intenção e o ganho foram políticos e sociais e jamais religiosos, e sim utilizaram a religião como gancho.

De certa forma Lutero assim como os Católicos matou muitos divergentes de suas crenças e também foi divulgador do Antissemitismo, para ser mais exato, o Antissemitismo contra o Judaísmo e grupos que divergiam de questões como a Trindade, sobre isso, Lutero chegou a dizer literalmente:


Frases de ódio de Martinho Lutero contra os Judeus:  

“(…) Finalmente, no meu tempo, foram expulsos de Ratisbona, Magdeburgo e de muitos outros lugares… Um judeu, um coração judaico, são tão duros como a madeira, a pedra, o ferro, como o próprio diabo. Em suma, são filhos do demônio, condenados às chamas do Inferno. Os judeus são pequenos demônios destinados ao inferno.

“Queime suas sinagogas. Negue a eles o que disse anteriormente. Force-os a trabalhar e trate-os com toda sorte de severidade … são inúteis, devemos tratá-los como cachorros loucos, para não sermos parceiros em suas blasfêmias e vícios, e para que não recebamos a ira de Deus sobre nós. Eu estou fazendo a minha parte.”

“Resumindo, caros príncipes e nobres que têm judeus em seus domínios, se este meu conselho não vos serve, encontrai solução melhor, para que vós e nós possamos nos ver livres dessa insuportável carga infernal – os judeus.”

A imagem de Lutero é defendido de forma feroz pelos defensores do personagem, o antissemitismo de certa forma, pode ter ajudado na perseguição dos Judeus por Aldof Hitler, sua doutrina e seu antissemitismo, parecem muito com as ideias de Lutero, os Judeus que moravam na Alemanha na Época da ascensão de Lutero foram perseguidos e expulsos no mundo, as fugas dos Judeus foram geralmente para o Norte da Africa e também para a recém descobrida America.
Sobre o Antissemitismo contra os Judeus a bíblia diz: 

"E eu farei de ti uma grande nação, e eu te abençoarei, e farei teu nome grande; e tu serás uma bênção, E eu abençoarei os que te abençoarem, e amaldiçoarei os que te amaldiçoarem, e em ti todas as famílias da terra serão abençoadas." (Gênesis 12:2-3)

"Orai pela paz de Jerusalém; prosperarão aqueles que te amam." (Salmos 122:6)

"Pois assim diz o Senhor dos Exércitos: Depois da glória ele me enviou às nações que vos despojaram; porque aquele que tocar em vós toca na menina do seu olho." (Zacarias 2:8)

Deus deixa claro na bíblia quem é a favor de Israel é abençoado, aquele que abençoa seu povo é exaltado, nós como gentios não devemos em hipótese alguma ir contra Israel.

Links uteis, referencias de pesquisa e recomendações de leitura:
→ Livro sobre Judeus e suas mentiras, de Martinho Lutero
→ 95 teses de Lutero, Escrito oficial do Luteranismo
→ Hendrix, Scott H. "The Controversial Luther", Word & World 3/4 (1983), Luther Seminary, St. Paul, MN, p. 393: "And, finally, after the Holocaust and the use of his anti-Jewish statements by National Socialists, Luther's anti-semitic outbursts are now unmentionable, though they were already repulsive in the sixteenth century. As a result, Luther has become as controversial in the twentieth century as he was in the sixteenth." Also see Hillerbrand, Hans. "The legacy of Martin Luther", in Hillerbrand, Hans & McKim, Donald K. (eds.) The Cambridge Companion to Luther. Cambridge University Press, 2003.
→ *Nota, textos bíblicos da King James fiel


A inquisição Protestante - a Historia não contada de Lutero A inquisição Protestante - a Historia não contada de Lutero Reviewed by Lucas Ajudarte on março 16, 2018 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.