Oswald Mosley / O dia que o fascismo quase venceu na Inglaterra

O quase ditador inglês Oswald Mosley, seu proposito e ideologia


Acredito que principalmente no Brasil, poucos ouviram falar de Sir Oswald Ernald Mosley, isso porque aprender a historia e os contextos do que a humanidade viveu até agora, não é prioridade daqueles que dominam as grandes corporações, para esses, é viável que os eventos e contextos históricos, sejam desconhecidos pelas massas.

Oswald Mosley / O dia que o fascismo quase venceu na Inglaterra


O ano é 1932, na Inglaterra pós grande depressão de 1931, uma visão politica, alinhada com o corporativismo estatal, ganha força no mundo e na Inglaterra surge um homem chamado Oswald Mosley, com apoiadores de diversas classes sociais, um levante extremamente forte e fascista cresce na Inglaterra, ao mesmo tempo que em outras partes do mundo, França, Itália, Japão, Alemanha e outros locais diversos, alimentados em especial por um ódio antissemita.

Porque o ódio contra os Judeus?


Como cristãos sabemos que o contexto bíblico e profético, existe na questão do ódio contra os Judeus, em praticamente todos os livros proféticos, em especial, recomendo a leitura do livro de Zacarias, mas trazendo para a historia, os fatos são construídos, e não ocorrem por acaso, todo um alicerce é formado para a construção de todas as coisas.

Durante o ano de 1931, o mundo estava crescendo, a bolsa de valores viviam momentos de gloria, mas praticamente do nada, a bolsa de valores de Nova York caiu, consequentemente outras no mundo inteiro sofreram, isso faria com que milhares de pessoas perdessem tudo, praticamente da noite para o dia, e todo aquele golpe a vida de milhares de pessoas, interveria diretamente na vida de milhões que de forma direta, seriam prejudicadas, com fabricas e grandes empresas falindo, e desemprego em massa.


Mediante a esse contexto, a população queria culpados por esse ocorrido, e não acreditar que tudo foi simplesmente obra do acaso, nesse momento emergiu o discurso antijudeu, toda a crise financeira, que ocorreu no mundo em 1931, ocorreu diretamente por grandes bancos, que são majoritariamente de famílias judaicas, e diretamente os grandes bancários judeus derrubavam governos e nações que faziam oposição a eles, agindo assim como agem hoje, financiando políticos, endividando governos, mantendo como seus escravos, isso naquela época, foi visível por uma parcela da população, desencadeando em um ódio contra os judeus, nesse discurso, os nazistas e os fascistas ganharam força, no mundo.



Família Rothschild, protagonista de uma dinastia bancaria na Europa, responsáveis diretamente pela queda de nações e governos, nos dias de hoje, são donos de vários bancos mundiais, e grandes mídias televisivas, junto com outras famílias na maioria judaicas, são considerados a elite mundial, dominando a maior parte do dinheiro movimentado no mundo.


Porque esses fatos são importantes?


Oswald Mosley chegou perto de construir uma Inglaterra fascista, caso tivesse vencido, a historia do mundo como conhecemos, certamente teria sido diferente, talvez até mesmo o resultado da II grande guerra mundial não seria como foi, e as paginas da historia, são importantes para que possamos não cometer erros como a humanidade já cometeu, discursos como o de Adolf Hitler, e de Oswald Mosley, são muitas vezes desconhecidos pelas massas populares, mas não são tiros no escuro, possuem seus fundamentos e alicerces, tiveram seus motivos, mesmo que macabros e tenebrosos.

É importante aprendermos a fugir de políticos com visões populistas, muitos são os ditadores no meio politico, alguns adormecidos, apenas esperando a oportunidade para surgir, eles agarram-se a trechos verdadeiros a qual defendem, e exibem, para ganhar apoio popular e massivo, mas seu objetivo é cruel, é tornar a todos escravos, hoje assim como na década de 30, muitos ditadores estão a soltas, esperando seus momentos, novos grupos e lideres fascistas, comunistas, e nazistas surgiram, cada um agarrado a seu trecho de verdade, ocultando uma imensidão de mentiras.

Recentemente, um grupo de extrema-direita britânico composto por ex-soldados autointitulados "21st Century Blackshirts" (Camisas Negras do Século 21), se propôs a reviver a União Britânica de Fascistas, elegendo Sir Oswald Mosley como uma espécie de líder espiritual. Dissidentes do Partido Nacional Britânico e do movimento conhecido como English Defence League, estes oficiais do exército criaram, em janeiro de 2013, um novo partido inspirado na União Britânica de Fascistas que, atualmente, atende pelo nome de "Nova União Britânica" (New British Union - NBU)

Assim como naqueles dias, os espectros políticos nas massas populares, estão inflados, radicais comunistas, fascistas e neonazistas estão emergindo, crises e guerras para a próxima década serão instauradas por conta disso, estejam prontos, mantendo os olhos e ouvidos abertos, nos ideal cristãos, para que não sejam enganados.

Leia outros artigos sobre esses e outros temas:

Este blog produz opiniões e textos independentes em uma perspectiva cristã sobre todos os temas, Obrigado por ler esse artigo, comente e de sua opinião, compartilhe com seus familiares e amigos, receba as Reflexões Cristãs pelo WhatsApp (19) 993702148.

Nenhum comentário

Doe qualquer valor pelo Paypal e ajude o Reflexões Cristãs a continuar independente