Mídias sociais

Adulteração de Texto (Mateus 28:19)

A Invenção da trindade na historia da igreja segundo as enciclopédias






COM O PASSAR DA HISTORIA DA IGREJA, O ENTENDIMENTO DA ARQUEOLOGIA BÍBLICA SE DESENVOLVEU, E PROGREDIU, POIS PASSAMOS A SAIR DO DOMÍNIO DE INFORMAÇÕES RECLUSO AO MOVIMENTO CATÓLICO, E COM ISSO VARIAS VERDADES FORAM REVELADAS, ESSA EM ESPECIAL, A DESCOBERTA DA ADULTERAÇÃO DE TEXTOS BÍBLICOS, COMO O DE MATEUS 28:19, POIS BEM, ANALISE E TIRE POR ANALISE DE SI MESMO




ADULTERAÇÃO DE MATEUS 28.19 (O BATISMO TRINITÁRIO)
NO LIVRO DO PAPA BENTO XVI O  SACERDOTE AFIRMA :


Adulteração de Texto (Mateus 28:19)
Adulteração de Texto (Mateus 28:19)


LIVRO: INTRODUÇÃO AO CRISTIANISMO DO CARDEAL JOSEPH RATZINGER, (PAPA BENTO 16) 1ª EDIÇÃO, 1968, PÁG. 82-83:

"A forma básica de nossa profissão de fé (Mateus 28:19 trinitária) tomou forma durante o segundo e terceiro séculos em conexão com a cerimônia do batismo. No que diz respeito ao seu lugar de origem, o texto (Mateus 28:19) veio da cidade de Roma. "O batismo da Trindade e o texto de Mateus 28:19, portanto, não se originaram da Igreja original que começou em Jerusalém em torno de AD 33. Foi bastante, uma vez que a evidência prova uma invenção posterior do catolicismo romano completamente fabricada. Muito poucos sabem sobre esses fatos históricos. "- Introdução ao cristianismo Por Joseph Ratzinger. página 82-83. A EDIÇÃO DE 1968.

Tradução:



“A forma básica da nossa profissão de fé trinitariana (Mateus 28:19) tomou forma durante o curso dos séculos segundo e terceiro em conexão com a cerimônia de batismo. Medida em que o seu lugar de origem está em causa, o texto (Mateus 28:19) veio da cidade de Roma.”


O batismo da Trindade e texto de Mateus 28:19, portanto, não se originou a partir da Igreja original, que começou em Jerusalém por volta do ano 33. Era um pouco como a evidência demonstra uma invenção posterior do catolicismo romano completamente inventada. Muito poucos sabem sobre estes fatos históricos.” — Introdução ao Cristianismo por Joseph Ratzinger. página 82-83

NESSA CITAÇÃO O SACERDOTE CATÓLICO ASSUME COMO NUMA CONFISSÃO DE CULPA DA IGREJA CATÓLICA QUE O TEXTO DA ORDENANÇA DO BATISMO EM NOME DO PAI E DO FILHO E DO ESPÍRITO SANTO FOI MANIPULADO, PARA NÃO FICARMOS APENAS COM A CITAÇÃO DO PAPA, É IMPORTANTE QUE É LIVRE A PESQUISA DE TODOS QUE OUTROS PAPAS NA HISTORIA JÁ RECONHECERAM ESSE FATO, VEJAMOS O QUE AS PRINCIPAIS ENCICLOPÉDIAS DE HISTORIA DO MUNDO FALAM SOBRE O ASSUNTO:

ENCYCLOPEDIA BRITANNICA, 11ª Ed. Vol. 3 Page 365-366, "A fórmula batismal foi mudada do nome de Jesus Cristo para as palavras Pai, Filho e Espírito Santo pela Igreja Católica no 2º século". Vol. 3 Page 82 "Em todos os lugares nas fontes mais antigas, afirma que o batismo ocorreu no Nome de Jesus Cristo".

ENCICLOPEDIA BRITÂNICA, 11a Edição, Vol.3  Pg 365-366, “A fórmula batismal foi mudada do nome de Jesus Cristo para as palavras Pai, Filho e Espírito Santo pela Igreja Católica no 2º Século. ”  Volume 3 pag.82  “Sempre nas fontes antigas menciona que o batismo era em Nome de Jesus Cristo.”

ENCICLOPEDIA DE ENCÍCLOPÊNCIA DA SENHORITA, Page 53 - "A igreja primitiva sempre batizou no Nome do Senhor Jesus até o desenvolvimento da doutrina da Trindade no 2º século".

ENCICLOPEDIA DA RELIGIÃO – CANNEY, pg 53 — “A religião primitiva sempre batizava em Nome do Senhor Jesus até o desenvolvimento de doutrina da trindade no 2° Século.”

1913 ENCYCLOPEDIA CATÓLICA, Vol. 2, página 365, aqui o católico reconhece que o batismo foi alterado pela Igreja Católica.

ENCICLOPÉDIA CATÓLICA DE 1913, Vol. 2, pg 365, “Aqui o Católico reconhece que o batismo foi mudado pela Igreja Católica”.

HASTINGS ENCYCLOPEDIA OF RELIGION, Vol. 2 páginas 377-378-389, "O batismo cristão foi administrado usando o Nome de Jesus. O uso da fórmula trinitária de qualquer tipo não foi sugerido na história da igreja primitiva, o batismo foi sempre no Nome do Senhor Jesus, até o tempo de Justin Martyr quando a fórmula da trindade foi usada ". Hastings também disse em Vol. 2 Page 377, comentando em Atos 2:38, "NAME era um antigo sinônimo de pessoa. O pagamento sempre foi feito em nome de alguma pessoa referente à propriedade. Portanto, um ser batizado em Jesus Name tornou-se sua propriedade pessoal. "" Vocês são de Cristo ". I Cor. 3:23. NOVA ENCYCLOPEDIA INTERNACIONAL, Vol. 22 Page 477, "O termo" trindade "foi originado por Tertullain, pai da Igreja Católica Romana".

ENCICLOPÉDIA DA RELIGIÃO – HASTINGS, Vol. 2 pg 377-378-389. “O batismo cristão era administrado usando o nome de Jesus. O uso da fórmula trinitariana de nenhuma forma foi sugerida pela história da igreja primitiva; o batismo foi sempre em NOME do Senhor Jesus até o tempo do mártir Justino quando a fórmula da trindade foi usada”. Na página Hastings comentando Atos 3:28, diz: “NOME é o antigo sinónimo de pessoa. Pagamento foi sempre feito em nome de alguma pessoa, referindo-se a propriedade. Portanto alguém batizado em nome de Jesus torna-se sua propriedade pessoal”.  Nova Enciclopédia Internacional, Vol. 22 pg 477,   “O termo ‘trindade’ se originou com Tertuliano, padre da Igreja Católica Romana”.

COMENTÁRIOS DO NOVO TESTAMENTO DE TYNDALE: "... a verdadeira explicação por que a igreja primitiva não administrou de imediato o batismo com o nome triplo é que as palavras de Mat 28:19 não eram significadas como uma fórmula batismal. [Jesus] não estava dando instruções sobre as palavras reais para ser usado no serviço do batismo, mas, como já foi sugerido, estava indicando que o baptizado passaria pelo batismo na posse do Pai, do Filho e do Santo Fantasma."

TYNDALE COMENTÁRIOS DO NOVO TESTAMENTO: “…a verdadeira explanação porque a igreja primitiva nunca administrava o batismo em nome dos três, que se refere Mat. 28:19 porque não significava uma formula batismal. [Jesus] não estava dando instruções das palavras que deveriam ser usadas no rito batismal, mas como já havia sugerido, que a pessoa batizada tornava-se posse do Pai, do Filho e do Espírito Santo.

A ENCICLOPEDIA DE RELIGIÃO E ÉTICA, James Hastings, p.384, "não há evidências [na história da igreja primitiva] para o uso do nome triúno". Rev. Steve Winter

ENCICLOPÉDIA DE RELIGIÃO E ÉTICA, James Hastings, pg.384. “Não existe evidência [na história da igreja primitiva] do uso dos três nomes.”Rev. Steve Winter ATOS 4:12

“E em nenhum outro há salvação, porque também debaixo do céu nenhum outro nome há, dado entre os homens, pelo qual devamos ser salvos.”

AS PRINCIPAIS CITAÇÕES DOS PRIMEIROS GRANDES HISTORIADORES COMO EUSÉBIO DE CESSAREIA, DIZ QUE TODOS OS LIVROS ANTES DO 3 SÉCULO, ANTERIOR AO CONCILIO DE NICEIA INDICAM QUE A ORDENANÇA DE QUE JESUS HAVIA PEDIDO PARA QUE O BATISMO SEJA FEITO NO NOME DELE E  PORTANTO CONFIRMANDO O QUE ESTÁ ESCRITO:

ATOS 2.38: Pedro respondeu: “Arrependam-se, e cada um de vocês seja batizado em nome de Jesus Cristo, para perdão dos seus pecados, e receberão o dom do Espírito Santo”.

CONCLUSÃO:

1: TANTO OS PADRES CATÓLICOS COMO TEÓLOGOS EVANGÉLICOS E PROTESTANTES SABEM DA VERDADE SOBRE A MODIFICAÇÃO DE TEXTOS BÍBLICOS.

2: A MUDANÇA DO BATISMO PARTIU DA IDEIA DE CRIAR UMA DEFESA SÓLIDA  E CERTA DA TRINDADE

3: NENHUM APÓSTOLO OU MEMBRO DA IGREJA PRIMITIVA BATIZARAM EM NOME DO PAI, FILHO E ESPÍRITO SANTO ISSO É ADULTERAÇÃO HISTÓRICA E LITÚRGICA.

Leia também: Unicidade de Deus - Quando queremos ver Deus
Outras Mídias: Papa confessa Adulteração de Mateus 28:19

compartilhe essa postagem com seus amigos e familiares, receba estudos sobre a Unicidade de Deus por whatsapp (19)993702148.


Adulteração de Texto (Mateus 28:19) Adulteração de Texto (Mateus 28:19) Reviewed by LUCAS on setembro 15, 2017 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.